06/10/2015

Entourage | Doug Ellin. 2015




Título em Portugal: Entourage - Vidas em Hollywood
Data de estreia: 09.07.2015


Em Julho de 2014, a HBO lançou uma série baseada na experiência de Mark Wahlberg aquando a sua chegada a Hollywood para ser actor. 
O criador desta refrescante série foi Doug Ellin que também assegurou muito da sua escrita. Entourage transformou-se num sucesso inesperado. Foi uma agradável surpresa constatar que Entourage se mantivesse popular até à sua oitava temporada. No último episódio da última temporada, a história de Vince Chase e do seu grupo de amigos não ficou totalmente encerrada e a possibilidade de existir um filme foi algo sempre muito desejado pelos fãs. 

Agora, em 2015, Entourage o filme mostra Vince (Adrian Grenier) com uma carreira bastante bem sucedida mas a precisar de um novo desafio. Depois de um casamento falhado, Vince está pronto para levar a sua carreira ao próximo patamar: a realização. Para que isto aconteça, Ari Gold (Jeremy Piven) – o agora bem-sucedido director de um estúdio é determinante. Gold consegue que Vince leve a cabo o seu sonho de realizar um filme. Escusado será escrever que qualquer projecto em que o jovem actor se envolva, a sua entourage estará presente. A equipa formada por Vince, Johnny Drama (Kevin Dillon), Eric (Kevin Connolly) e Turtle (Jerry Ferrara) e Ari Gold são, mais uma vez, sinónimo de loucura sã. Fiel à série o filme de Doug Ellin tem cameos com fartura  - a lista de participantes inscrita dos créditos finais é prova disso. 










Para os fãs, voltar a ver a este grupo de personagens é um prazer. Não interessa as qualidades ou defeitos do argumento. Toda e qualquer falha no que diz respeito à concepção do filme são colocados de parte quando vimos de regresso as míticas personagens da série que nos acompanhou de 2014 a 2011.

Para quem nunca viu a série dificilmente entenderá na totalidade a dinâmica das personagens, as piadas ao passado e sobretudo o humor, a loucura e esquizofrenia da estrela maior das personagens televisivas – Ari Gold. E Rhys Coiro como Billy Walsh é sempre um prazer rever. É um episódio com mais minutos feito para os fãs, para quem viu e reviu a série e para quem conhece aquelas personagens como se tratassem de membros da família. Por mim podia estrear em sala de cinema um Entourage por ano.  

Nota: 


1 comentário:

  1. O elenco foi espetacular. Definitivamente Entourage, é o filme que os fãs estavam esperando. Um filme que pode ser melhor ou pior, que pode gostar mais ou menos, mas era certamente mais do que o necessário. Em suma, os comentários ruins não ter feito nenhum bem. Acho que devemos saber julgar algo que é, e eu acho que não foi tratado muito bem a este filme, porque tudo o que pretende fazer é entreter e rir, especialmente a alegria de fãs com esses personagens de novo . É uma boa comédia, e deve ser tomado em consideração.

    ResponderEliminar